Notícias

Tecnologia na saúde: ponto fundamental para enfrentar os desafios de 2020

Desafiador! Assim foi 2020, um ano que certamente ficará marcado na história. Todos tivemos que nos reinventar e buscar rapidamente alternativas de superação e adaptação à nova realidade imposta pela quarentena por conta da maior pandemia dos últimos 100 anos, a da COVID-19. Essa condição, em que a saúde foi a maior vedete do ano, evidenciou o quanto a ciência e o acesso à tecnologia agregam valor quando o assunto é salvar vidas. O principal exemplo dessa afirmação é a Telessaúde, responsável por proporcionar o atendimento de pacientes em diferentes regiões do País, bem como favorecer a realização de exames, garantindo assim a segurança dos pacientes e profissionais de saúde.


Diante disso, a Associação Brasileira da Indústria de Alta Tecnologia de Produtos para a Saúde (ABIMED) segue acreditando que todos têm direito ao que há de melhor em saúde, por isso não mediu esforços para garantir que a população brasileira tivesse acesso a essas tecnologias. Ao longo do ano, atuou em várias frentes para dar o suporte necessário aos seus associados, contribuindo com discussões, informações e ações para que todos pudessem melhor compreender as situações impostas e buscassem se adequar da melhor maneira possível.


Sempre atenta aos novos cenários que a pandemia trouxe ao setor, a Associação realizou uma interlocução muito positiva com o Poder Executivo (Ministério da Saúde, Ministério da Economia, Ministério das Relações Exteriores, Anvisa, ANAC), que teve como meta a isenção de impostos, adequação e flexibilização regulatória, favorecimento do tráfego de mercadorias e das atividades de importação e exportação, além de orientação e suporte aos gestores públicos sobre a importância da disponibilidade de equipamentos e dispositivos médicos no mercado brasileiro.


Regulatório

A atuação junto aos associados também foi bastante significativa em outros temas que integram os pilares da ABIMED – Ética, Transparência, Conhecimento e Inovação. Para citar um exemplo, somente o comitê de regulatório, promoveu durante o ano 42 reuniões entre ordinárias, específicas e grupos de trabalho. Somente com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) foram 23 encontros e outros dois com Instituto de Peso e Medidas (INMETRO), totalizando mais de 100 horas de trabalho no ano.


Administração e Finanças

E as atividades não pararam por aí. Na área de administração e finanças a entidade desenvolveu e implantou políticas de privacidade de dados para terceiros, colaboradores e associados. Para garantir a segurança da informação aperfeiçoou sistemas de gestão de TI e ainda aumentou os controles administrativos financeiros para dar ainda mais transparência na prestação de contas.


Institucional e Governo

Nas relações institucionais com o governo, inaugurou o escritório em Brasília, aumentando a presença e a participação em várias frentes, como por exemplo na Frente Parlamentar Mista em Prol da Saúde 4.0 e do Acesso e Uso Racional de Equipamentos e Dispositivos Médicos Tecnológicos (FPMedTec). Contribuiu ainda com as inserções, pela primeira vez na história, de uma proposição de interesse do setor na Agenda Legislativa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e no projeto de "Redução do Custo Brasil", organizado pela Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia (SEPEC/ME).


Outro ponto que merece destaque foi o “Diálogos ABIMED”, que promoveu diversos debates com importantes stakeholders do setor de equipamentos e dispositivos médicos, principalmente agentes de governo, parlamentares, pesquisadores e outros importantes formadores de opinião. Promovemos também para nossos associados treinamentos sobre o “Processo Legislativo no Congresso Nacional, Câmara dos Deputados e Senado Federal”.


Coube ainda à ABIMED, com o forte objetivo de buscar a renovação do Convênio ICMS nº 01/99, a atuação perante o Conselho Nacional de Política Fazendária (CONFAZ). Também fez parte desse pleito, frente às propostas de Reforma Tributária, defender a necessidade de concessão de tratamento diferenciado para o setor de equipamentos e dispositivos médicos.


Riscos e Compliance

Enquanto isso, entre os vários eventos realizados pela Gerência de Riscos e Compliance, destaca-se a 1ª Jornada ABIMED de Integridade, que contou com 3 dias de conteúdo e a participação de 100 associados. A área também foi a responsável pela adequação da ABIMED na Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), além de ter proporcionado treinamento aos associados sobre o Código de Conduta da Associação.


A entidade fechou o ano participando – como única associação representante do setor de saúde e integrante do Comitê Executivo ocupando a cadeira da vice-presidência – do lançamento do Centro para a Quarta Revolução Industrial (C4IR Brasil), uma iniciativa público-privada concebida pelo Ministério da Economia, pelo Governo do Estado de São Paulo e pelo Fórum Econômico Mundial, com apoio de empresas de atuação global. De caráter multissetorial, o projeto visa estimular a adoção de tecnologias inovadoras, com base na formulação de propostas de políticas públicas que possam contribuir para a ampliação da competitividade, produtividade e sustentabilidade das empresas brasileiras. 


Por fim, porém, não menos importante, no próximo ano a ABIMED completará 25 anos e para comemorar o seu Jubileu de Prata encerrou 2020 comemorando suas realizações com o Encontro Anual, evento que contou com a participação do diretor do Fórum Mundial, Murat Sönmez, do presidente do Conselho Administrativo da ABIMED, Walban Damasceno e do filósofo e escritor Luiz Felipe Pondé. No encontro foram apresentados o novo posicionamento para 2021, os novos pilares e as metas para os próximos anos.


Em 2021 a Associação pretende seguir sua filosofia de possibilitar cada vez mais o acesso à população de novas tecnologias para a saúde. Além é claro de não medir esforços para tornar a Campanha de Vacinação uma realidade para todos os brasileiros e com isso apostar na expectativa para a volta dos eventos e atividades presenciais, o que em muito irá contribuir para a retomada das atividades econômicas do setor à normalidade.


Novo branding, novo posicionamento 

A linha de comunicação da ABIMED para 2021 terá novidades para marcar seus 25 anos de história. A mudança, que é mais do que criar uma nova marca, refletirá o novo posicionamento da entidade em relação aos seus propósitos e objetivos. Em constante evolução, a Associação não poderia agir de forma diferente no que diz respeito à adequação e modernização de seu escopo.


A ideia do novo branding nasceu em 2019, em razão da necessidade de olhar para o futuro. Depois de incansáveis meses de trabalho realizados em meio a pandemia, com o auxílio do Conselho de Administração, mais de 20 associadas, grupo executivo e stakeholders, iniciou-se uma revisão dos valores e da missão da ABIMED. 


Com o pensamento de que o maior benefício que a tecnologia traz é salvar vidas e gerar bem-estar, surge, então, um enfoque mais humano para representar as indústrias nacional e internacional, pacientes, toda a população e o profissional da saúde. Assim, a entidade adotará a partir de 2021 novos pilares que sustentarão sua atuação: Tecnologia, Qualidade de Vida e Acesso. 


A partir deste conceito, o branding mescla humanização com tecnologia. Pixels dão origem ao perfil de um rosto. O objetivo, além de humanizar, é encurtar a distância entre a tecnologia e a população. E, para ressaltar esse conceito da marca ABIMED, o slogan da assinatura foi ressignificado e passará a ser “Tecnologia, Saúde. Vida.”. 














Desenvolvido por MakeIT Informática