Notícias

ANS AUTORIZA IMPLANTE DE CARDIODESFIBRILADOR PARA PREVENÇÃO DE MORTE SÚBITA

No Brasil, mais de 250 mil pessoas morrem por ano de morte súbita, a maior parte provocada pelas arritmias cardíacas e infarto agudo do miocárdio. Os beneficiários de plano de saúde conquistaram uma grande vitória junto a Agência Nacional de Saúde (ANS). A partir de agora, pacientes com grande risco de apresentar morte súbita por arritmias - alteração do ritmo dos batimentos cardíacos - poderão ser submetidos ao implante de um cardiodesfibrilador, com cobertura pelo plano de saúde. O cardiodesfibrilador implantável (CDI) é um dispositivo que detecta as arritmias e, por meio de um choque elétrico no coração, devolve o ritmo cardíaco normal ao paciente. Cardiologistas de todo o país comemoraram a decisão. O crité

SAÚDE AMPLIA TRATAMENTO PARA RENAIS CRÔNICOS

Paciente terá acompanhamento desde as primeiras etapas da doença para evitar agravamento e óbitosO Ministério da Saúde publicou nesta sexta-feira (14) a portaria 389 que amplia o atendimento à pessoa com doença renal crônica. A partir deste ano, estados e municípios poderão ofertar serviços de acompanhamento desses pacientes em diferentes estágios, além da diálise e transplante renal já disponíveis no Sistema Único de Saúde e direcionados aos casos mais graves.No ano passado, o total aplicado foi R$ 2,5 bilhões. Atualmente, o país tem cerca de 90 mil pacientes em tratamento pelo SUS nos 692 serviços em funcionamento.A doença renal crônica (DRC) se caracteriza pelo mal funcionamento dos rins, responsável por filtrar e tirar impurezas do sangue. O atendimento é realizado em Serviços de Nefrologia, que atualmente atendem pacientes em estágio avançado, ou seja, que dependem da realização de diálise. Com a nova portaria, esses servi

ANVISA COMEMORA 15 ANOS COM INICIATIVA INOVADORA

"">A abertura da exposição À sua Saúde, na quarta-feira à noite (19/02), em Brasília, marcou o início das comemorações pelos 15 anos da Anvisa. De acordo com o ministro da Saúde, Arthur Chioro, ""foi um momento belo e inovador na saúde pública"". Segundo Chioro, é importante ""parar para refletir e fazer uma conexão entre o nosso trabalho na área da saúde, a arte e a cultura"".Além do ministro da Saúde, participaram da solenidade de abertura, no Museu Nacional Honestino Guimarães, a ministra da Cultura, Marta Suplicy, o presidente da Frente Parlamentar da Saúde, deputado Darcísio Perondi, o secretário da Cultura do Distrito Federal, Hamilton Pereira, o Diretor-presidente da Anvisa, Dirceu Barbano, os diretores da Agência Jaime Oliveira, Ivo Bucaresky e Renato Porto, e as curadoras da mostra, Daiana Castilhos Dias e Polyanna Morgana.A exposição, patrocinada pela Anvisa, ocupa uma área de 1.060 m2 do Museu Nacional e está organi

DECISÃO NO CASO DO ALGODÃO É POLÍTICA E CAUTELOSA, DIZEM ESPECIALISTAS

"">Mariana Branco - Repórter da Agência Brasil Edição: Stênio RibeiroA opção do Brasil de, por enquanto, não retaliar os Estados Unidos, por causa da suspensão dos pagamentos compensatórios pelos subsídios ao algodão, e pedir um painel na Organização Mundial do Comércio (OMC) para analisar a nova lei agrícola (Farm Bill) daquele país, é vista como política e cautelosa por especialistas. Eles destacam que havia respaldo para aplicação imediata de represália e que a versão mais recente da Farm Bill mantém, parcialmente, os programas de subsídios considerados ilegais pelo organismo internacional.Na quarta-feira (19), quando a Câmara de Comércio Exterior (Camex) do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior anunciou a decisão, o ministro das Relações Exteriores, Luiz Alberto Figueiredo, disse que o governo iria negociar com os Estados Unidos, e a retaliação continuava na mesa.O contencioso do algodão levou quase oito anos para ser decidido na OMC, que, em 2009, deu ao Brasil o direito de retaliar os norte-americanos em US$ 829 milhões. Em 2010, os

OMC LISTA BRASIL COMO LÍDER EM ""PROTECIONISMO""

O Brasil foi o país que adotou o maior número de medidas contra impor
Página 0 de 293)

Desenvolvido por MakeIT Informática