Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Ao prosseguir você concorda com nossa política de privacidade.

Mercado Aberto: Grupo Dasa vai investir R$ 400 milhões em 2016

Publicado em 10/11/2015 • Notícias

Apesar da crise e do dólar alto, o grupo Dasa investirá R$ 400 milhões em 2016.

Os recursos irão para a expansão de unidades de análises clínicas, o que inclui a alocação de R$ 90 milhões apenas em equipamentos. O grupo reúne
24 marcas de laboratórios, entre elas Delboni e Lavoisier.

“Não dá para esperar a crise passar ou o câmbio mudar”, diz Emerson Gasparetto, diretor-executivo clínico.

Houve um empenho maior nas negociações com fornecedores, mas nenhum investimento foi revisto em razão da alta do dólar, de acordo com o executivo.

“Estamos superando a fase de recuperação do valor da marca Delboni. É um esforço contínuo, que durou cerca de cinco anos.”

Ainda neste ano, o orçamento prevê um aporte de outros R$ 250 milhões. A companhia deverá abrir 35 unidades do Lavoisier em São Paulo até o fim de 2015.

O grupo fará também a ampliação do segmento Alta, de padrão mais elevado, inaugurado em 2012. Serão pelo menos quatro unidades no ano que vem, duas no Rio e duas em São Paulo.

“Apesar da grande concorrência no setor no Brasil, há espaço para crescer na marca premium.” O custo de instalação de cada unidade desse segmento é, em média, de R$ 30 milhões.

Por meio de uma oferta pública de aquisição de ações, a Dasa pretende sair do Novo Mercado da Bolsa, o que vem sendo questionado por acionistas minoritários.

505 são as unidades no país

20 mil são os funcionários

R$ 815 milhões foi a receita bruta no segundo trimestre deste ano (alta de 9,6% em relação ao mesmo trimestre de 2014)

R$ 93,2 milhões foi o Ebitda do 1º semestre de 2015 (queda de 30,3% em relação ao mesmo período do ano passado)

Fonte: Folha de S.Paulo

Mais notícias e eventos