Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Ao prosseguir você concorda com nossa política de privacidade.

Preços dos remédios podem variar quase 2000%, mostra pesquisa

Publicado em 03/11/2015 • Notícias

A diferença assustadora de preços chegou a itens essenciais, como os remédios. Um levantamento mostrou que quem não pesquisa pode pagar quase 2000% a mais, 20 vezes o preço.

_x000D_


Em 18 capitais pesquisadas, a variação de preços do mesmo remédio chega a espantosos 1937%.

_x000D_


É justamente nos analgésicos, um dos mais vendidos, que a diferença de preços é maior de uma região para outra pode chegar a 285% no Nordeste e 280% no Sudeste.

_x000D_


Nos anti-inflamatórios, a diferença entre remédios de marca chega a 223%. E no caso dos genéricos, a diferença é ainda mais absurda: 1850%.

_x000D_


São diferenças tão grandes que para ter noção do preço, a reportagem do Bom Dia Brasil percorreu algumas farmácias do país para mostrar quantos remédios você pode comprar com o preço de um.

_x000D_


Em Maceió, a média de preços dos ansiolíticos, aqueles remédios para ansiedade, é a menor entre as capitais pesquisadas, em torno de R$ 9.

_x000D_


Esses preços baixos também valem para medicamentos anti-inflamatórios e para aqueles que todo mundo costuma tomar quando está com dor de cabeça: os analgésicos. Em uma farmácia, o envelope com 10 unidades sai por R$ 6,96. Em outra, o preço diminui um pouco mais, e sai a R$ 5,97.

“É bom pesquisar para você encontrar mais barato e o medicamento de qualidade”, diz o operador de máquinas Severino da Silva.

_x000D_


O presidente do Sindicato das Farmácias explica de onde vêm esses preços mais baixos. “Um detalhe é a própria concorrência de mercado. O outro é que os produtos mais populares, eles têm uma tendência de serem mais baratos em relação aos produtos de marca”, explica José Antonio Veira, presidente do Sincofarma, de Alagoas.

Em Florianópolis, a reportagem pesquisou os preços de três medicamentos. O que dá para ver é que os valores mudam bastante de uma farmácia para outra. A diferença pode chegar a 49% dependendo do remédio.

O analgésico pode ser encontrado por 5,85% e por 6,96%. O anti-inflamatório com 20 comprimidos fica entre R$ 22,60 e R$ 29,52. E o ansiolítico, também com 20 comprimidos, pode variar de R$ 10,57 para R$ 15,77. O que dá para perceber é que se precisar comprar medicamentos vale a pena pesquisar.

Fonte: Bom Dia Brasil – TV Globo

Mais notícias e eventos