Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Ao prosseguir você concorda com nossa política de privacidade.

A agonia do SUS

Publicado em 30/08/2015 • Notícias

O IBGE apresentou na quarta-feira 26 os primeiros resultados da Pesquisa de Informações Básicas Municipais. Foram estudados os 5.570 municípios do País. O quesito saúde deixa ligada, mais uma vez, a sirene de emergência – que as autoridades insistem em não escutar.

• 59,9% das cidades brasileiras precisam encaminhar pacientes da atenção básica do SUS para que sejam hospitalizados em outros municípios devido à carência de leitos e tratamentos especializados.

• 52,1% dos municípios têm de encaminhar doentes que estão sob cuidados do SUS para outros locais, até mesmo para realização de exames básicos e rotineiros. Desse total, 55,3% das cidades estão na região nordeste. Somente 6,5% dos municípios possuem UTI neonatal.

Fonte: Isto É

Mais notícias e eventos