Nosso site usa cookies para melhorar sua experiência. Ao prosseguir você concorda com nossa política de privacidade.

Casa arrumada

Publicado em 20/06/2016 • Notícias

Para se adequar a padrões internacionais de gestão, o grupo de hospitais Meridional, do Espírito Santo, passa por uma reestruturação de sua governança, afirma Antonio Benjamin Neto, diretor-presidente da empresa.

“Para os investidores estrangeiros, é importante mostrar que há disposição de mudar a cultura da companhia.”

A principal medida em curso é uma reforma societária, na qual os seis maiores acionistas formam uma empresa, que passará a deter 80% do grupo. “É importante definir o controle acionário do grupo, passa mais segurança.”

O hospital está em negociação para a entrada de um investidor internacional -operação “com grande chance de ser concluída ainda neste ano”, diz ele, que não revela detalhes.

R$ 205 milhões
faturou a Meridional no ano passado; em 2016 a receita esperada é de R$ 260 milhões

5 hospitais
com um total de 460 leitos compõem o grupo

Fonte: Folha de São Paulo

Mais notícias e eventos